No Risoleta, os processos de trabalho e a assistência aos usuários devem estar centrados na segurança e qualidade. Todos os trabalhadores devem se atentar ao tema, mas há dois setores dedicados às melhores práticas nesse sentido: o Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) e o Núcleo de Gestão da Qualidade (NGQ).

Núcleo de Segurança do Paciente

O NSP foi implantado no Risoleta em 2014, com o objetivo de promover melhorias relacionadas à segurança do paciente, de forma a prevenir e reduzir a incidência de eventos adversos no atendimento à saúde.

Como funciona?

O Núcleo é composto por uma coordenação central e por membros dos Subcomitês, de caráter multiprofissional, que visam implantar as melhores práticas assistenciais seguindo metodologias internacionais de segurança do paciente preconizadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Conheça alguns dos protocolos implantados:

Como o usuário pode contribuir para a Segurança do Paciente?

Prestando atenção no cuidado que está recebendo. Pergunte à equipe de saúde se tiver dúvidas ou preocupação sobre quaisquer cuidados a serem recebidos. Caso não entenda, pergunte novamente. Ajude-nos a cuidar de você da melhor maneira possível!

O NSP é composto por Aline Dias (coordenadora) e Juliane Oliveira (enfermeira)

Núcleo de Gestão da Qualidade

O NGQ  foi instituído no Risoleta em 2010 e, desde então, busca introduzir em todo o Hospital a cultura da qualidade e da melhoria contínua como ferramentas permanentes de aprimoramento institucional. 

O Núcleo executa suas atividades assessorando, sensibilizando e incentivando as boas práticas profissionais junto às equipes por meio de ações como: 

  • remodelagem de processos;
  • padronização de documentos e rotinas;
  • estabelecimento/discussão de indicadores;
  • acompanhamento dos programas de certificações aderidos pelo Hospital.  

Possui como parceiro o Núcleo de Segurança do Paciente e, juntos, são responsáveis pelo monitoramento das ocorrências (não conformidade e eventos adversos) registradas no Hospital e ações de melhoria.  

Sua atuação preza pela  centralidade no usuário ao oferecer subsídios para que o Risoleta tenha processos gradativamente mais alinhados, seguros, eficientes, de qualidade e, sobretudo, para que os pacientes do SUS estejam cada vez mais satisfeitos com o atendimento prestado pelo Hospital.

O NGQ é composto por Adriani Steinberg (analista de Qualidade), Regiane Leite (auxiliar administrativo) e Sabrina Andrade (coordenadora)